quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Desfalcado!


O blog rbrito bem que tentou colocar no ar o ranking de público pagante das Séries A, B, C e D do Campeonato Brasileiro na última terça-feira, mas a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) não ajudou em nada. Toda semana, a entidade atrasa na divulgação dos borderôs, mas desta vez exagerou, com 27 jogos sem borderôs. Por conta disso, o ranking desta semana será separado por divisões.

Mais no blog rbrito:
Show completo! Terceiro post mais acessado da história!

Brasil afora... Os 100 clubes das Séries A, B, C e D divididos pro Estado!

Com a colaboração de Marcos Neves, o blog rbrito ainda esperou mais um dia, mas a situação não mudou. Para vocês, torcedores-internautas, não ficarem sem a atualização esta semana, o blog rbrito libera o ranking com alguns desfalques. Caso tenhamos novidades, o blog rbrito, assim como fez na semana passada, divulgará uma nova atualização no twitter (@rbrito1984).

Dito tudo isso, o incansável Marcos Neves, colaborador fiel do blog rbrito, conseguiu mais uma atualização junto a CBF. Por conta disso, no final do post, conseguimos colocar o ranking de público do jeito tradicional, com todas as quatro divisões misturadas. Meu agradecimento especial ao Marcos Neves pelo trabalho brilhante!

Em relação aos líderes nada mudou. Corinthians (23.312), Vitória (11.821), Santa Cruz (22.946) e Remo (6.687) seguem nas primeiras colocações das Séries A, B, C e D, respectivamente. O clube paulista ainda é o primeiro colocado no ranking geral. Grêmio e Sport completam o Top 3 na Série A.



O São Paulo ganhou duas posições e figura no sexto lugar, com média de 16.967 pagantes. Outro que se deu bem foi o Joinville. O clube catarinense tomou a vice-liderança do Ceará na Série B e aparece com média de 9.452 pagantes. No clássico contra o Criciúma, o JEC conseguiu seu maior público (18.115).



Leão do Pici!
Dono da terceira melhor média de público da Série C e da nona no geral (12.936 pagantes), o Fortaleza terá seu borderô na vitória sobre o Treze, por 2 a 1, revelado pelo blog rbrito. Aliás, o documento financeiro do Tricolor cearense é cheio de surpresas.

A começar pelos ingressos dados pela diretoria. Prática comum em todo o futebol brasileiro, mas que traz problemas financeiros aos próprios clubes. Neste duelo contra o clube paraibano, o Fortaleza teve 1.026 ingressos de "gratuidades", além de 611 "cortesias".

Por outro lado, o ambulante, que quiser trabalhar no estádio, pagará R$ 10 pela entrada. Foram colocados à venda 19.887 ingressos e vendidos 14.055 - sem contar gratuidades e cortesias. A renda da partida foi de R$ 292.446,00, mas o clube faturou apenas R$ 170.084,48.

A Federação Cearense de Futebol (FCF) fica com 5% da renda que, neste caso, foi de R$ 14.622,30 - uma bela fatia do bolo. Enquanto isso, o Leão do Pici gastou com serviços médico (ambulância + médicos + enfermeiros) apenas R$ 800 e com ressarcimento de diárias e transporte assessor e arbitragem - R$ 50.



Azulão!
Tradicionalmente, quando o blog rbrito desvenda os segredos de um clube da Série C, faz o mesmo com a Série D. Após Sampaio Corrêa e Remo, chegou a vez do CSA, um dos melhores clubes em aproveitamento das Séries A, B, C e D do Brasileirão.

A partida que o blog rbrito analisará será contra o Sousa-PB, quando o CSA venceu, por 2 a 1. Dono de uma torcida apaixonada, o clube alagoano levou 6.626 pagantes ao estádio naquela oportunidade. Foram colocados à venda 14.309 ingressos. Há entradas de R$ 80 (cadeira), R$ 20 (arquibancada alta) e R$ 15 (arquibancada baixa). O passaporte azul é uma campanha de marketing do clube. No borderô, o valor registrado é de apenas R$ 5. Mas na verdade, por quatro jogos, o torcedor desembolsa R$ 50, média de R$ 12,50 por partida.

O problema do CSA com a renda é, infelizmente, muito comum no futebol brasileiro. A venda de ingressos rendeu R$ 71.995,00 ao Azulão que só ficou com R$ 15.058,58. Para se ter uma ideia, o CSA perdeu R$ 8.120,00 com um item chamado "taxas locais". Não há explicações a respeito.

Não satisfeito, o clube ainda ficou sem R$ 9.357,00 - destinado a confecção de ingressos. Valor salgado. Já o aluguel de ambulâncias tirou R$ 3.000,00 dos cofres azuis. O lanche daqueles que trabalharam no estádio custou R$ 855.



Entenda:
Os clubes da Série A do Brasileirão são representados pela cor amarela. O cinza destaca os clubes da Série B, enquanto o laranja é a Série C e o azul é a Série D. Já os números em vermelho precisam da confirmação da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

O blog rbrito acompanhará TODOS os públicos das Séries A, B, C e D do Campeonato Brasileiro 2012. Fique sabendo da evolução das médias de público. E você, jornalista, lembre de dar crédito, caso utilize qualquer dado dos levantamentos de público do blog rbrito.

* Atualizado às 13h51

Só o blog rbrito acompanha as médias de público do Brasil. Ajude a divulgar o blog rbrito! Opine! Participe aqui ou através do www.twitter.com/rbrito1984


9 comentários:

  1. Cara, primeiramente, parabéns pelo Blog. É o mais completo e mais bem executado que eu já vi. Descobri há pouco tempo e já sou visitante assíduo.
    Sou Alagoano e torcedor do CSA, queria informar que por conta daqueles bloqueios de renda o público anunciado no borderô e o público presente no estádio é muito divergente. Isso é uma prática comum aqui em Alagoas, por conta do bloqueio de renda a diretoria do CSA divulga no borderô muito menos que o público real. Todos os nossos públicos foram superiores a 10 mil pagantes(posso te enviar fotos por e-mail). Além disso, os ingressos aqui também não são esse preço. Arquibancada Baixa é 15 reais, Alta é 20 reais e Cadeira é 80. E Passaporte azul não é 5 reais, é uma campanha de marketing, é um passaporte que dá direito a entrada dos 4 jogos do CSA nessa fase e o valor dele é 50 reais, ou seja, 12,50 por jogo.
    Desculpe pelo longo comentário e mais uma vez parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Freire. Tento sempre buscar posts diferentes, com curiosidades e números. Em relação a diferença de público e do borderô oficial, infelizmente, isso ocorre em todo o país. Como não há fiscalização, alguns dirigentes abusam.

      E fico agradecido pelas informações do Passaporte Azul. Vou acrescentar no post. Comente sempre que desejar. Criei o blog rbrito para debater futebol.

      Abs e opine também pelo www.twitter.com/rbrito1984

      Excluir
  2. Um dos melhores blogs esportivos que já li, parabéns! Ah, gostei ainda mais dando espaço para o FORTALEZA. hehe

    Quiser saber mais noticias do Leão do Pici é só acompanhar no: www.boraleao.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Eduardo! Quero sempre melhorar e trazer posts diferentes para vocês. O Fortaleza, tradicionalmente, tem uma torcida apaixonada. Mas assim como muitos clubes tradicionais sofre nas mãos de dirigentes despreparados e jogadores comuns.

      O Tricolor faz falta nas divisões de cima. Não conhecia o site. Vou passar a acompanhar e colocarei o link no meu blog. Gostei da seção "Museu Tricolor". Muito boa. Parabéns!

      Abs e opine também pelo www.twitter.com/rbrito1984

      Excluir
  3. Ah, Rodolfo, a média do Fortaleza está errada. Segundo o jornal O POVO, aqui do CE a média do Leão é: 13.548

    PÚBLICO PAGANTE DOS JOGOS DO FORTALEZA EM CASA PELA SÉRIE C

    1ª rodada - Fortaleza 0X0 Águia - 11.147
    4ª rodada - Fortaleza 2x1 Salgueiro - 14.833
    5ª rodada - Fortaleza 2x1 Treze - 14.666
    Público total: 40.816
    Média de público em casa: 13.548,6 pagantes por jogo

    Link da matéria: http://esportes.opovo.com.br/app/esportes/clubes/fortaleza/2012/07/30/noticiasfortaleza,2404122/fortaleza-supera-publico-pagante-do-ultimo-jogo-e-tem-media-superior-a.shtml

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade Eduardo, a gente só leva em consideração o público pagante. Na nossa lista, tiramos a "cortesia" e "gratuidades". Fazemos isso com todos os clubes para chegar a um consenso. Por conta disso é que dá a diferença de números.

      ok?

      Abs

      Excluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Ótimo post, como todos que já li aqui no seu blog.

    Acho que que o Ranking da Série D não vai alterar muito até o final da competição, só se der uma zebra e o Remo for eliminado. Os próximos jogos do Remo tendem a ser no Mangueirão, estádio com capacidade atual de 42 mil pessoas. Ou seja, os números vão subir a favor do Leão Azul, rs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelas palavras, Rodolpho. E o Remo faz muita falta nas divisões superiores. Os dirigentes, jogadores e técnicos poderiam ter mais respeito a instituição e aos próprios torcedores.

      A torcida jamais largou do Leão. Isso é fato e visto a cada jogo nas arquibancadas, seja em partida oficial, estadual, nacional ou em um simples amistoso. Que este purgatório acabe o mais rápido possível.

      Abs e boa sorte!

      Excluir